Marca forte é requisito para iniciar uma rede de franquias?

2 minutos para ler

Muito se fala sobre quais características um negócio deve possuir para tornar-se uma franquia. Fala-se de processos de negócios bem definidos e conceito do negócio testado. Capacidade de inovar, entender as necessidades dos consumidores e uma marca forte e reconhecida também é recomendado.

Algumas dessas características são de fato imprescindíveis, mas outras, como processos de negócios, podem ser aprendidas mesmo que seja necessário ajuda de especialistas externos. Entretanto, algumas chegam a ser risíveis como, por exemplo, possuir uma marca forte.

ebook sobre formatação de franquias

É óbvio e inegável que uma marca forte ajuda grandissimamente para a expansão de uma rede de franquias. Mas, não existe nenhuma empresa que nasce como uma marca forte. Marca se constrói ao longo do tempo. A construção da marca pode ser fortemente alavancada pelo processo de franchising, por exemplo.

Para aqueles que discordam, eu tenho uma pergunta: Você acha que O Boticário, que nasceu em 1977 como uma farmácia de manipulação, tinha em 1980 (somente três anos depois) uma marca forte? A resposta a essa pergunta é óbvia: não tinha. Foi nesse ano, porém, que O Boticário abriu sua primeira franquia e hoje ele é nada menos que a maior rede de franquias do mundo no segmento em que atua.

Posts relacionados