Como otimizar os processos de franquias

6 minutos para ler

O franchising é um modelo de negócio em alta na atualidade. Investir nesse mercado é uma escolha assertiva, porém não é só essa ação que vai garantir os bons resultados e trazer rentabilidade. Nesse sentido, vemos o quão importante é a otimização dos processos de franquias.

Também devemos lembrar que esse modelo de negócio não cresce sozinho. Se caso a franquia não obter o resultado esperado, será necessário que ocorra a mudança por parte do gestor. Essa atitude é indispensável para garantir a melhoria contínua, além de aumentar a eficiência dos fluxos de trabalho e agilizar as atividades.

Para que os processos sejam otimizados, precisamos visualizar quais são as áreas que merecem a devida atenção. Acreditamos que os principais são: processos financeiros; processos de gestão; processos de marketing e comunicação; organização e produtividade e processo de vendas.

tudo sobre rede de franquias

Tendo esse panorama geral, mostraremos qual é a melhor forma de otimizar cada uma das áreas. Não fique por fora das dicas desse post!

  1. FINANCEIRO

É evidente que essa é umas das áreas mais importantes de qualquer negócio. Afinal, se você quer ter um crescimento sustentável, será necessário focar em processos que envolvem as finanças. Se tudo for documentado, controlado e direcionado corretamente, é possível trazer o equilíbrio ideal para a franquia, além de gerar um certo lucro para a empresa. Dessa forma, problemas são evitados e há a viabilidade de realizar investimentos, sempre visando a vida sustentável da empresa.

Um estudo feito pela Sebrae em 2014 mostra que a taxa de sobrevivência de empresas e microempreendedores (MEIs) é de 77%. Enquanto isso, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), a taxa de mortalidade de uma franquia chegou a 5% em 2017. Por trás desses números, podemos observar quais são os motivos que impactam na falência de organizações. Esses motivos derivam de: situação do empreendedor antes de abrir a empresa; planejamento mal ou não feito; falta de capacitação em gestão empresarial e mal gerenciamento do negócio.

Depois de perceber o quão importante é ter um controle financeiro, é fundamental entender que gerar fluxo de caixa, calcular receitas e ter seus custos definidos são ações fundamentais para a franquia.

  1. COMUNICAÇÃO E MARKETING

Para a sua unidade ter sucesso, a chave do negócio é ter um bom relacionamento com clientes e fornecedores. Isso se dá através de uma boa comunicação. Esse aspecto exige canais onde o franqueado possa ter contado direto com a marca, além de se deixar a disposição para ouvir consumidores que trazem sugestões de melhorias.

A comunicação também envolve os objetivos e horizontes da marca, ou seja, onde ela quer chegar. Nesse sentido, é importante que todos colaboradores saibam quais são as metas estipuladas, para que assim consigam aumentar o seu engajamento e produtividade, em prol de um excelente atendimento ao cliente.

Além disso, a marca precisa saber como vai se comunicar com o cliente, que é como ela quer ser reconhecida. A garantia que a empresa será reconhecida e chamará a atenção tanto de novos clientes como novos empreendedores querendo investir no negócio depende do marketing.

Nesse sentido, focando em franquias, a franqueadora precisa assegurar que cada uma de suas unidades passará a imagem correta e que terá o melhor relacionamento possível com pessoas interessadas em seus produtos ou serviços. Para que o marketing seja eficaz nesse processo, ele deve ser regional, uma vez que campanhas feitas no sul do país não serão as mesmas feitas no norte. Além disso, os franqueados não querem que o nome da marca tenha uma presença negativa em determinada região. Para que isso não aconteça, temos algumas dicas!

2.1  USE SOFTWARES DE AUTOMAÇÃO

O uso de softwares para automatizar os processos ampliam as chances de otimizar o seu negócio. As otimizações podem gerar maior agilidade no dia a dia, causando redução de tempo e custo. Softwares de marketing, como o Deskfy, podem melhorar o desempenho da franquia e ainda reduzir eventuais erros causados. No software, você consegue diminuir o tempo da sua equipe de marketing de 120 horas para 1 hora, além de conseguir regionalizar as campanhas das unidades dos franqueados. Com o Deskfy, você consegue manter sua marca padronizada para todos franqueados, garantindo a consistência da marca e disponibilizando ajustes pontuais em campanhas, se essas forem necessárias.

  1. ORGANIZAÇÃO E PRODUTIVIDADE

A organização de tarefas é outro requisito indispensável, porque quando há muita coisa a ser feita, as chances de esquecer ou perder anotações são enormes. Por exemplo, além de cuidar de aspectos burocráticos, você  precisa verificar se o atendimento aos clientes está padronizado, gerenciar os colaboradores e dar o apoio necessário à eles, fazer o pagamento e o recebimento de contas, repassar feedbacks, entre muitas outras funções.

Para um bom gerenciamento de tarefas, há ferramentas como o Asana ou Trello que podem ajudar. Se você ainda deseja dispor de todas funções em uma só ferramenta, o Deskfy, além de melhorar o processo de marketing, ainda dispõem de funções como fluxos de trabalho, onde você poderá ter mais controle de suas tarefas e as de seus franqueados.

A organização também interfere diretamente na produtividade. Uma vez que você tem todas as suas funções anotadas e com datas de validade, é mais fácil o processo de produção, já que não há perda de tempo para pensar no que precisa ser feito.

Para que seus funcionários sejam mais produtivos, é importante que haja incentivos. É válido lembrar que incentivos não vêm sempre em dinheiro, mas sim em treinamentos, para que os colaboradores se tornem – e se sintam – mais capacitados.

  1. GESTÃO

Administrar uma empresa pode ser muito complexo e ainda envolve diversas variáveis. No caso de franquias não é diferente. Nesse modelo de negócio, diretrizes da marca devem ser seguidas, assim como você precisa ter um acompanhamento para ver o que funciona ou não em sua unidade. Se caso houver pontos de melhorias, é interessante ter a liberdade de conversar com a franqueadora e verificar o que pode ser feito.

O problema é que muitas vezes os franqueados ignoram a importância dessa prática. Por isso, podem até ter grandes dificuldades por falta de conhecimento. Por isso, como foi dito anteriormente, é fundamental ter uma boa comunicação interna.

ebook sobre gestão para resultados

  1. VENDAS

Nada adianta ter um bom processo interno e uma boa imagem se o produto não vender. Nessa área, é importante que seja criado um processo de vendas, contendo um início, meio e fim. Que todas as suas abordagens sejam focadas na experiência do consumidor. Assim gerando um amor pela marca por parte do consumidor.

Então, gostou das nossas dicas? O que você já faz para otimizar o processo de sua franquia? Nos conte comentando abaixo!

Posts relacionados

Deixe um comentário